Plano Safra 2015: Uma Pá de Cal na Única Coisa Que Dá certo No Brasil


reserva

Num daqueles lare-lare incompreensíveis, a regovernANTA e a ministra ex-opositora se “ajuntaram” pra lançar o Plano safra 2015; o programa de como o gunverno vai ajudar o agronegócio, a única coisa que ainda funciona bem no Brasil e que vem sustentando o pífio PIB.

Escorregadia, a soberana disse que os juros do novo plano “serão realinhados sem comprometer a capacidade de pagamento de produtores”; embora até as vaquinhas saibam que os juros que serão aplicados foram alvo de lutas renhidas nos bastidores entre os ministros da Fazenda, Joaquim Levy e a gloriosa Kátia Abreu.

Disse ainda a regovernANTA, “com as linhas de crédito oferecidas. espero que a agropecuária brasileira continue abastecendo com preços adequados tanto o mercado interno quanto o externo”. Mas nada de dizer quanto vai liberar e a quanto será cobrado o financiamento.

Alegando que, mesmo em tempos de ajuste fiscal, o governo conseguiu ampliar em 20% os recursos de crédito para financiar a próxima safra, implorou para que os produtores continuem se matando de trabalhar para garantir a produção de alimentos, pelo menos mantendo os atuais empregos e segurando o que resta de PIB neçepaíz.

Pra mim, o apogeu foi a frase lapidar: “o governo segue no empenho de criar uma classe média rural cada vez mais forte”, como se quem planta meio hectare de feijão garantisse alguma coisa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s