A Calça Assassina E A Vingança dos Gordinhos


1275746345853_f

Nos últimos anos a tarefa de comprar uma calça jeans boa e confortável, se tornou uma verdadeira via cruxis, uma saga. Isso pois as chamadas calças skinny (modelo de jeans bem justo e destinado obviamente quase que exclusivamente aos magrinhos) dominam o mercado de tal maneira, que tornou a vida dos gordinhos um inferno. As prateleiras das lojas de departamentos (leia-se, local onde ainda se pode comprar calças por menos de três dígitos), lojas não especializadas em calças, praticamente não possuem mais os outros tipos de calças. E quando possuem, a quantidade é tão pequena que elas tem que ser disputadas quase no tapa,  já que pernas finas não fazem parte do tipo físico padrão brasileiro.

No inicio, a moda e o consequente problema gerado por ela, afligiam apenas as mulheres. Atualmente os homens são tão ou talvez mais afetados pela situação, em parte por culpa dos cantores sertanejos, como já citado aqui anteriormente, que inventaram esta moda de usar calças femininas.

O fato é que o velho e bom modelo reto (modelo de macho) e suas pernas folgadas está em desuso. Os homens obviamente tem as pernas mais grossas e convenhamos que as dimensões das pernas das calças atuais não são nada convidativas, até o modelo reto, aparenta ter reduzido a forma nas pernas. Aí é batata, você experimenta as calças e elas ficam apertadas aonde? advinha? Resultado, comprasse um modelo maior, claro que fica folgado na cintura, e resolve-se isso com o cinto. Por fim, o cabra fica parecendo um saco amarrado com barbante.

Mais a vingança vem a cavalo e é maligna, já dizia Bento Carneiro. Esta semana surgiu na mídia o caso da australiana, que sofreu lesões graves em fibras musculares e nervosas das pernas, porque passou muito tempo agachada usando o jeans skinny. Claro, pode ter sido um caso isolado, mais é obvio que tudo que incomoda trás problemas e passar horas com a calça apertada não pode fazer bem. A não ser pro ego talvez.

Fonte: Info

Uma pesquisa norte-americana revelou algo bizarro sobre o uso de calças jeans tipo skinny, aquelas bem apertadinhas. Segundo um estudo publicado no Jornal de Neurologia, Neurocirurgia e Psiquiatria, se agachar ou ficar de cócoras com calças skinny por um longo período de tempo pode danificar as fibras musculares e nervosas das pernas.

Para comprovar a teoria, os médicos apresentaram o caso de uma vítima dessa moda. Uma mulher de 35 anos chegou ao hospital com dor e fraqueza aguda em ambos os tornozelos. No dia anterior a internação, ela ajudou familiares na mudança de um imóvel.

Segundo a paciente, ela passou horas agachada e estava vestindo uma calça skinny apertada. No decorrer do dia, a mulher sentiu que seus pés estavam dormentes e que não conseguia andar corretamente. Devido à dificuldade de caminhar, ela caiu no chão e ficou imóvel por várias horas até ser encontrada.

Quando chegou ao hospital, as panturrilhas da paciente estavam tão inchadas que o jeans precisou ser cortado. Ela não conseguia mover os tornozelos e não sentia as pernas e os pés.

De acordo com uma investigação médica, a causa da dor foi a calça skinny. O jeans pressionou tanto as pernas dela durante os agachamentos, que as fibras musculares e nervosas de seus tornozelos foram danificadas.

O médicos concluíram que a mulher desenvolveu a Síndrome Compartimental, ou seja, a diminuição do suprimento sanguíneo para os músculos da perna. A pressão contínua causou o inchaço dos músculos e a compressão dos nervos adjacentes. A paciente recebeu medicação intravenosa. Após quatro dias, ela voltou a andar sem auxílio de equipamentos e recebeu alta do hospital.

Segundo os médicos, relatórios anteriores de problemas musculares e neurais, relacionados ao uso de calças skinny, limitavam-se a lesões do nervo cutâneo lateral da coxa. O caso dessa mulher de 35 anos representa uma nova complicação neurológica devido à utilização de jeans apertados.

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s