Equilibrium


Equilibrium

Um mundo perfeito, graças ao fato dos sentimentos terem sido extinguidos para o bem da sociedade. Esta é a idéia central de Equilibrium, um filme que poucos conhecem, infelizmente, e que a seu modo consegue fazer as pessoas pensarem, refletirem após assisti-lo.

A ideia de Estados totalitários que exercem controle direto sobre sociedades futuristas através do controle das emoções já havia sido explorada no passado em outros filmes, entre eles o meu favorito, Fahrenheit 451 (1966). E recentemente voltou com força em filmes como O Doador de Memórias e Divergente (2014).

Nas atuações Bale vai muito bem como de costume, encarando aqui seu primeiro herói. Seguido por Angus Macfadyen e Taye Diggs, dois ótimos atores que infelizmente fizeram poucos filmes de grande destaque.

A direção não é prefeita, mas conseguiu um excelente trabalho considerando o pouco recurso disponível.

Na época do lançamento o filme foi muito comparado a Matrix (1999). Embora realizado com apenas 25% do orçamento do primeiro filme da trilogia Matrix, fato que reduziu a possibilidade de uso de efeitos especiais, ainda sim Equilibrium consegue apresentar algumas cenas ainda mais interessantes, além de apresentar um dilema moral mais consistente (infelizmente a expectativa criada no primeiro Matrix, com coelhos e pílulas coloridas, acaba de certa forma caindo por terra e não se demonstra tão interessante na sequência da série).

O fato das emoções terem sido tiradas das pessoas além de impedi-las de sentir, também às impede de pensar si mesmas. Valeria a pena viver desta forma ?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s