Troca Os Óculos Janot


Gilmar e Janot

Até quem entende pouco de política sabe que os custos com materiais gráficos são a forma mais simples e segura de se lavar dinheiro de campanha. Isso porque depois de alguns dias não existe comprovação de serviços prestados. Basta eu imprimir dez unidades de santinhos e dizer que foram 10 milhões de unidades e pronto, moleza. O único cuidado a se tomar é não deixar de emitir uma nota fiscal, até porque sonegar imposto nessas hora seria o cumulo da canalhice e da burrice.

Segundo o delator Ricardo Pessoa, dono da UTC, parte dos R$ 26,8 milhões que o PT repassou a essa gráfica VTPB Serviços Gráficos e Mídia Exterior Ltda teve origem no petrolão. Só a campanha de Dilma gastou com a VTPB R$ 23 milhões. Haja santinho.

O procurador-geral eleitoral, Rodrigo Janot, determinou o arquivamento do pedido do ministro do Tribunal Superior Eleitoral – TSE, Gilmar Mendes para a Procuradoria Geral da República investigar suspeitas de irregularidades na campanha eleitoral da governANTA do ano passado . O chefe do Ministério Público entendeu que não há indícios de irregularidades na contratação da gráfica VTPB Serviços Gráficos pela campanha da petista.

O procurador ainda por cima, soltou uma daquelas frases cafajestes, digna de dirigentes de futebol brasileiros, beneficiados na final do torneio:

“Não interessa à sociedade que as controvérsias sobre a eleição se perpetuem: os eleitos devem poder usufruir das prerrogativas de seus cargos e do ônus que lhes sobreveem. Os derrotados devem conhecer sua situação e se preparar para o próximo pleito”.

Ainda segundo o procurador, a legislação estabelece que “eventuais fraudes descobertas depois de 15 dias da diplomação não poderão ser levadas ao Judiciário Eleitoral; condutas vedadas têm, na diplomação, seu marco final de judicialização”.

Mais ágil que Billy The Kid, o ministro Gilmar Mendes, que por sinal é o único do STF que não foi nomeado pelo PT foi rápido e já chamou o procurador de advogado de Deelma.

Ao que parece nosso querido procurador que não enxergou indícios de irregularidades no caso está precisando de novos óculos. É como diz aquela bandeira de cartões de crédito: Óculos de grau Ray Ban R$ 600,00, independência e bom caráter, não tem preço.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s