O Golpe De Sérgio Moro


Golpe Lava Jato

O Nove Dedos tem razão quando diz que sua condução coercitiva foi um golpe da Lava Jato e do juiz Sergio Moro. Foi mesmo, e foi um golpe de mestre. Obrigando o antes intocável Sapão a ir depor, Moro conseguiu duas coisas: Amedrontar os cúmplices e asseclas do PT e dar esperanças a população. Vejamos com calma a beleza da coisa:

Quando botou as mão no Nove Dedos, o recado dado foi claro. Ninguém é intocável e ninguém está protegido da Lava Jato, ou seja,  se a chefia está enrolada, os orelhas estão fritos. E todos sabem que o Nove Dedos não é muito condescendente com seus “amigos” quando eles estão lascados, o homem tem memória curta, quando o bicho pega ele se esquece rápido das amizades que teve. E como seus companheiros sabem disto, parece evidente que novas delações virão.

Outro fato importante é que o ano de 2016 havia iniciado mormo para boa parte da população e principalmente para os participantes das manifestações contra o Guverno e a favor do impeachment da GovernANTA. A verdade é que as peripécias do STF (Supremo Tribunal da Vergonha Nacional) interferindo nas decisões da Câmara e consequentemente no processo de impeachment, havia deixado um sentimento de derrota e apontava inclusive para um esvaziamento das manifestações. Mas a divulgação da delação de Delcídio plantou a semente da mudança e espertamente a Lava Jato tratou de rega-la com agilidade.

Agora com esperança renovada, a probabilidade das manifestações se tornarem um verdadeiro sucesso, é uma aposta quase certa. E que venha o dia 13/03.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s